terça-feira, 21 de novembro de 2017
















mais tarde
depois nos falamos
deixe as palavras
despirem-se dos enganos
deixe as sentenças
desfazerem-se das mágoas
deixe os parágrafos
corrigirem os mal entendidos
só então nos diremos
aquilo que for preciso
sem nos surpreendermos
com as armadilhas
que nos preparamos
sem ingerirmos
o veneno que não desejamos

Nenhum comentário:

Postar um comentário